CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Insônia- André Wambier
E SE VOCÊ NÃO PUDESSE DORMIR... NUNCA MAIS
Textos


Fonte: Consenso Brasileiro de Hipertensão Arterial- V Diretriz- 2006
Dieta:
     A dieta DASH (Dietary Approaches to Stop Hypertension) reduz, em média, a PAS em 11,4mmHg e a PAD em 5,5mmHg em pacientes hipertensos. Enfatiza o consumo de frutas, verduras, alimentos integrais, leite desnatado e derivados, quantidade reduzida de gorduras saturadas e colesterol, maior quantidade de fibras, potássio, cálcio e magnésio. Associada à redução no consumo de sal, mostra benefícios ainda mais evidentes.
     Compõe-se de quatro a cinco porções de frutas, quatro a cinco porções de vegetais e duas a três porções de laticínios desnatados por dia.
 

O que fazer:

*       Retirar o saleiro da mesa e usar temperos naturais.
*       Dar preferência às carnes brancas (peixe e frango).
*       De preferência eliminar o consumo de bebidas alcoólicas
*       Consumir alimentos que sejam boas fontes de fibras como: frutas, verduras, cereais, hortaliças e legumes, de preferência crus.
*        Aumentar a ingestão de potássio (por reduzir a PA), escolhendo alimentos como feijão, ervilha fresca, vegetais verde-escuros, banana, melão, cenoura, beterraba, frutas secas, tomate e laranja.
*       Usar temperos naturais à vontade: limão, alho, vinagre, cebola, salsinha, cebolinha, orégano, cominho, coentro, manjericão etc.
*       Preparar alimentos grelhados, assados, refogados ou ensopados sempre com pouco óleo, evitando frituras ao máximo.
*       Comer apenas queijo do tipo branco, ou ricota (sem sal).

O que evitar:

*       Alimentos industrializados (mostarda, shoyu , ketchup, sopas concentradas etc.).
*       Embutidos (mortadela, lingüiça, salsicha, presunto, paio, salame).
*       Conservas ( azeitona, picles, aspargo, palmito, milho, patês, chucrutes).
*       Enlatados (massa de tomate, milho, ervilha etc.).
*       Carnes processadas industrialmente (charque, carne-seca, bacalhau, camarão seco, defumados etc.).
*       Temperos e caldos prontos.
*       Salgadinhos para aperitivos (batata frita, amendoim salgado etc.).
*       Bolachas salgadas, margarina ou manteiga com sal.
*       Queijos em geral
 
 
 
 
Fatores de Risco para Hipertensão:
 
*      Idade- a pressão arterial aumenta linearmente com a idade
*      Etnia- maior prevalência em afro-descendentes.
*      Genética
*      Sal-o consumo excessivo de sódio contribui para a hipertensão arterial
*      Obesidade-A cada 10 kg em excesso, há um acréscimo médio de 16 mmHg na PAS e 10mmHg na PAD. Porém, nem todo obeso torna-se hipertenso.
*      Álcool- o consumo de bebida alcoólica fora de refeições aumenta o risco de hipertensão, independentemente da quantidade de álcool ingerida.
*      Sedentarismo- a prática de atividades físicas regulares reduz a PAS em 6,9mmHg e a PAD em 4,9mmHg.











 

André Wambier
Enviado por André Wambier em 30/08/2009
Alterado em 22/07/2010
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários